quarta-feira, 31 de agosto de 2011

PASTEL DE NATA

Quando estamos de férias fazemos sempre pequenos pecados, doces, e aquele a quem não consigo resistir é ao Pastel de Nata. 
Na praia Pedra do Ouro encontramos um bar acolhedor, com gente simpática, onde passamos um bom bocado saboreando uma bebida fresca, alguns petiscos e um daqueles saborosos, estaladiços e cremosos Pastéis de Nata.
Deixo aqui a receita do meu Pastel de Nata. Embora possamos saborear pastéis de nata em muitos cafés e pastelarias, a receita original é um segredo exclusivo da Fábrica dos Pastéis de Belém em Lisboa.

INGREDIENTES:

8 gemas de ovo
500 g de açúcar
60 g de farinha
500 ml de leite
1 casca de limão
250 ml de água
600 g de massa folhada
1 pau de canela

Margarina, q.b.
Canela e açúcar em pó, q.b.
24 Forminhas de alumínio


PREPARAÇÃO:

Pré-aqueça o forno a 250º C.
Unte as formas com a margarina. Estenda a massa folhada em rectângulo e enrole-a. Corte a massa em rodelas com a espessura de 1,5 cm, coloque-as nas formas e fazendo pressão com os polegares no centro estenda-a até aos bordos de forma a que estes fiquem mais grossos.
Coloque as forminhas num tabuleiro de ir ao forno.
Dissolva a farinha com um pouco de leite, leve o restante ao lume com o pau de canela e a casca de limão. Quando estiver a ferver junte a farinha e mexa sempre até começar a ferver. Desligue o lume e reserve. Num outro tacho leve ao lume o açúcar e a água e mexa. Quando começar a ferver conte 3 minutos. Junte a calda do açúcar em fio ao leite e misture bem. Coe num passador e deixe arrefecer, até ficar frio.
Bata bem as gemas e adicione o creme já frio e mexa bem. 
Distribua este creme pelas forminhas e leve ao forno bem quente. Assim que os pastéis comecem a ficar lourinhos retire-os, cerca de 15 minutos. Deixe esfriar um pouco e desenforme.
Pode servi-los mornos ou frios.
Pode come-los simples ou polvilhados com canela ou açúcar em pó.

PASTEL DE NATA

BAR PRAIA PEDRA DO OURO

PASTEL DE NATA

Sem comentários :

Enviar um comentário

Obrigado pela vossa visita e pelo comentário.
Um beijinho,
Zélinha