sábado, 27 de dezembro de 2014

BACALHAU NO FORNO

Esta receita é uma boa opção para as sobras de bacalhau cozido, resulta muito bem.



INGREDIENTES - 4 pessoas

  • 800 g de batatas
  • 2 postas de bacalhau cozido, usei Bacalhau Dias
  • 2 cebolas
  • 2 dentes de alho
  • 1 dl de azeite
  • 2,5 dl de natas
  • Sal q.b.
  • Pimenta e noz-moscada q.b., usei Margão
  • Folhas de grelos, para cozer

PREPARAÇÃO
  1. Descasque e coza as batatas cortadas em cubos em água temperada com sal, não as coza muito para não se desfazerem;
  2. Escolha os grelos e coza-os em água temperada com sal;
  3. Desfie o bacalhau e limpe-o de espinhas e pele;
  4. Num tacho coloque o azeite, as cebolas e os alhos, picados, envolva e quando a cebola estiver translúcida junte as batatas, o bacalhau às lascas e as natas;
  5. Tempere com pimenta e noz moscada;
  6. Coloque a verdura escorrida no fundo de um tabuleiro;
  7. Em cima coloque a mistura anterior e leve ao forno a 200º C durante aproximadamente 25 minutos.
Bom Apetite!


domingo, 14 de dezembro de 2014

TARTE INVERTIDA DE MAÇÃ

Esta é uma tarte que se faz num abrir e fechar de olhos. Os ingredientes são colocados em camadas e o resto acontece como por magia já dentro do forno.



INGREDIENTES

  • 6 maçãs (descascadas e cortadas em gomos finos)
  • 6 ovos batidos
  • 2 chávenas de farinha com fermento, usei Branca de Neve
  • 1 chávena de açúcar
  • 200 g de margarina derretida, usei Vaqueiro
  • Pó de canela (se gostar)
  • 100 g de passas de uva (se desejar)
  • 1 Forma de tarte em silicone

PREPARAÇÃO
  1. Coloque as fatias de maçã no fundo da forma, polvilhe com canela e disponha as passas de uva por cima;
  2. Misture o açúcar com a farinha e coloque na forma;
  3. Por cima coloque os ovos batidos;
  4. E finalmente adicione a manteiga derretida;
  5. Leve ao forno à temperatura de 190º C cerca de 30 a 40 minutos;
  6. Se começar a queimar coloque uma folha de alumínio por cima;
  7. Antes de retirar faça o teste do palito;
  8. Deixe arrefecer e desenforme, ficando o fundo da tarte para cima.


domingo, 7 de dezembro de 2014

LACTICÍNIOS DO PAIVA - Parceria



É com muito orgulho que recebo Lacticínios do Paiva no meu blog, uma empresa agro-alimentar portuguesa especializada em lacticínios e seus derivados, de referência a nível nacional e internacional.

Fundada no inicio dos anos 30 através da fusão de duas pequenas empresas, a Lacticínios de Lamego, Lda e Lacticínios da Beira, Lda e cujo propósito é produzir e comercializar lacticínios, nos mercados nacional e internacional, através das suas marcas, valorizando a produção dos lacticínios nacionais.
Desde então que esta actividade está presente de forma ininterrupto, aliando os métodos e receitas tradicionais de produção às novas exigências e tendências de mercado.

Para além de uma experiência inestimável, a Lacticínios do Paiva acumula toda uma tradição e saber-fazer com padrões de excelência em termos de qualidade, que lhe permite continuar a assegurar a satisfação e superação contínua das expectativas dos seus clientes.

Para tal, nos últimos anos, a Empresa tem procedido a grandes e contínuos investimentos, na aquisição e modernização de todos os seus equipamento tecnológicos, bem como, nas estruturas necessárias para a realização dos processos associados ao Sistema de Gestão de Segurança Alimentar implementado e, o consequentemente recrutamento de recursos humanos especializados.

A forte ligação à região onde se insere potencia o desenvolvimento da mesma, das suas pessoas e dos seus recursos. Desta forma, a Lacticínios do Paiva, S.A é hoje um importante pólo de dinamização sócio-económica de toda a região Duriense e Transmontana.

A Lacticínios do Paiva, tem o seu Sistema de Gestão da Segurança Alimentar de acordo com a norma ISO 22000:2005.
Esta certificação garante aos consumidores uma segurança acrescida em todos os produtos, já que abrange as áreas da recolha e recepção de leite, bem como o fabrico, fatiagem e entrega ao cliente de queijos frescos, requeijão e curados.


Na sua vasta gama de queijos, estes são alguns que podemos encontrar:

Queijos tradicionais

Queijos curados de Vaca, Cabra, Ovelha e Mistura elaborados apenas com os melhores leites seleccionados dos nobres pastos de Trás-os-Montes e Alto Douro, bem ao gosto do consumidor geral.





Queijo amanteigado: Queijo curado de vaca com características verdadeiramente únicas, pasta amanteigada bem ligada e cremosa, deformável ao corte, cor amarelo palha claro,  apresenta um bouquet suave, limpo e bastante aromático.









Queijo de ovelha amanteigado Dona Ermelinda: Queijo curado de Ovelha, obtido por esgotamento lento da coalhada após a coagulação do leite de ovelha cru  pelo cardo (Cynara Cardunculus), de fabricação artesanal. Apresenta uma pasta amanteigada, bem ligada, cremosa e untuosa de cor amarelo palha claro uniforme. 
Produzido a partir do mais puro leite das serranias da Arrábida, na nova unidade de Algeruz, Palmela.






Queijo flamengo bola: Queijo de vaca curado de pasta amarela clara, textura semi-dura bem ligada com um bouquet requintado e sabor muito agradável.
De formato esférico, encontra-se disponível nos formatos inteiro, metades e quartos.








Queijos frescos

Queijos cremosos, sem olhos disseminados na massa, ligeiramente consistente, obtido por ultra-filtração do leite. Tecnologia pioneira e única em Portugal que permite manter as características organolépticas e nutritivas do queijo fresco bem como um maior prazo de validade, o que torna a sua distribuição mais abrangente, permitindo-nos estar cada vez mais próximos das exigências dos consumidores.



 Queijo fresco sem lactose: 

Queijo Fresco Meio-Gordo elaborado a partir de leite de vaca parcialmente desnatado, desenvolvido especifi-camente para os consumidores intolerantes à lactose. Ligeiramente consistente, obtido por ultra-filtração do leite. mantém todas as propriedades nutricionais, não possuindo lactose, eliminando o risco de má digestão.









Queijo fresco sem lactose


Pioneira em Portugal no desenvolvimento de queijos de baixo teor de gordura e em resposta às necessidades de uma dieta saudável e equilibrada, são a garantia de que saúde e sabor podem ser encontrados no mesmo produto. Consciente de que as necessidades alimentares são diferentes, de acordo com idades e estilos de vida, esta gama oferece-lhe queijos igualmente saborosos, com características específicas.
Uma alimentação saudável promove saúde e bem-estar.



Queijo fatiado sem lactose: Queijo curado de vaca Meio-Gordo elaborado a partir de leite parcialmente desnatado, desenvolvido especificamente para os consumidores intolerantes à lactose. 
Paiva apresenta assim um queijo fatiado cremoso que mantém todas as propriedades nutricionais, só que não tem lactose, eliminando assim o risco de má digestão. Indicado para adultos e crianças.

Queijos Gourmet

O gosto PAIVA gourmet. A possibilidade de descobrir paladares elegantes, transmitindo aos que o rodeiam o seu inefável instinto pela sofisticação. A Lacticínios do Paiva apresenta-nos uma linha de queijos inovadores para momentos de requinte e prazer, elaborados para paladares mais exigentes e selectivos.
Partilhe de uma filosofia intimista, de bem-estar, de saber viver. 




Queijo de Azeitão D.O.P. DIVINUS: O Queijo de Azeitão Divinus D.O.P. é produzido a partir de leite de ovelha cru, ao qual apenas se junta cardo e sal. 


As suas características organolépticas muito particulares e apreciadas, estão intimamente ligadas à flora das pastagens da Serra da Arrábida e à utilização de uma variedade de flor de cardo, espontânea no sul do país (Cynara Cardunculus L.), para a coagulação do leite.

Possui uma pasta amarelada, amanteigada, untuosa, com poucos ou nenhuns olhos e textura fechada, com zona de corte facilmente deformável. O aroma e sabor são característicos, limpos e inconfundíveis. São definidos como um misto de ácido e salgado, com a presença, quase imperceptível, de amargo e picante, o que torna o sabor verdadeiramente peculiar. Produzido na nova unidade de produção de Algeruz, Palmela.

A sua maturação opera-se num mínimo de 20 dias.


Nova Manteiga Paiva produzida de forma tradicional e pura (sem corantes nem conservantes), com natas do nosso melhor leite transmontano, simplesmente batidas e .... nada mais. Irresistível! 
           







Manteiga Paiva sem sal















Manteiga Paiva com sal










Uma vez mais quero agradecer à Lacticínios do Paiva, SA pela simpatia e pelos excelentes produtos que me enviaram.
Em breve irei partilhar convosco as receitas com estes produtos de excelência.

Fotos gentilmente cedidas por Lacticínios do Paiva, SA
Informação recolhida da página de Lacticínios do Paiva, SA

domingo, 30 de novembro de 2014

QUEQUES DE FRUTOS SILVESTRES SEM AÇÚCAR



INGREDIENTES
  • 200 gr de manteiga, usei Vaqueiro
  • 30 gr de sacarina
  • 3 ovos
  • 100 ml de leite
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 300 gr de farinha de trigo sem fermento, usei Espiga
  • 1 colher de chá de fermento em pó, usei Vahiné
  • Dulcis Frutos Silvestres s/ Açúcar
  • Para polvilhar: Estrelas e Açúcar Dourado Vahiné

PREPARAÇÃO
  1. Numa taça bata a manteiga com o adoçante até obter um creme esbranquiçado;
  2. Adicione os ovos um a um, batendo bem entre cada adição;
  3. Junte o leite, a essência de Baunilha e envolva;
  4. Adicione a farinha e o fermento;
  5. Coloque a massa em formas de silicone ou em formas de papel e leve ao forno pré-aquecido a 180 º C durante 30 minutos;
  6. Depois de frios faça uma cavidade no meio de cada bolinho, tendo o cuidado de não chegar ao fundo, recheie com o Dulcis Frutos Silvestres e decore com Açúcar Dourado e Estrelas Vahiné.

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

BOLO DE AVELÃ COM COCO

Mais um delicioso bolo da revista Teleculinária nº 1858. Se gostam de coco irão gostar muito deste bolo, recomendo.


INGREDIENTES
  • 100 g de avelãs sem casca
  • 50 g de coco ralado
  • 180 g de açúcar
  • 100 g de margarina, usei Vaqueiro
  • 100 g de farinha, usei Espiga
  • 6 ovos
  • 1 colher de chá de fermento, usei Vahiné
  • Manteiga para untar, usei Vaqueiro liquida
  • Papel vegetal
PREPARAÇÃO - Bimby
  1. Unte uma forma redonda com manteiga, forre-a com papel vegetal e volte a untar;
  2. Ligue o forno a 180 g;
  3. Coloque no copo a farinha, o coco, o fermento e as avelãs, triture durante 30 segundos, na velocidade 3, 5 e 9;
  4. Retire e reserve;
  5. Coloque no copo a manteiga, o açúcar e programe 3 Min/ 37º C/ Vel. 3;
  6. Adicione os ovos um a um na velocidade 3;
  7. Adicione a mistura da farinha e programe 2 Minutos/ Vel. 3;
  8. Coloque a massa na forma em leve ao forno durante 40 minutos;
  9. Antes de retirar faça o teste do palito;
  10. Sirva decorado a gosto, com açúcar em pó ou barrado com leite condensado cozido e polvilhado com coco e avelãs picadas.
Nesta receita utilizei estes excelentes produtos:


  

sábado, 22 de novembro de 2014

ARROZ DE POLVO COM CAMARÕES


INGREDIENTES


PREPARAÇÃO
  1. Num tacho refogue a cebola no azeite, junte os alhos e a folha de louro;
  2. Junte o tomate e deixe apurar ligeiramente;
  3. Refresque com o vinho branco, adicione a salsa, tempere com pimenta e deixe cozinhar por uns 3 minutos;
  4. Adicione o arroz, o polvo cortado em pequenos pedaços, o camarão e a água do polvo a ferver, envolva e deixe cozer cozer em lume brando durante 12 minutos;
  5. Se necessário rectifique de sal;
  6. Sirva polvilhado com salsa a gosto.
Nesta receita utilizei estes excelentes produtos:




sábado, 15 de novembro de 2014

BIFINHOS COM MAÇÃ REINETA SALTEADA

Mais uma deliciosa receita da Teleculinária nº 1857. Como sugestão do Chef pode optar por outro tipo de fruta, como por exemplo ananás ou manga e ainda pode acrescentar alguns pinhões para dar contraste nos sabores. 


INGREDIENTES - 4 pessoas

PREPARAÇÃO
  1. Comece por descascar as maçãs e corte-as em cubos de 1 cm;
  2. Coloque numa frigideira uma colher de azeite, aqueça bem, aloure as maçãs e retire;
  3. Na mesma frigideira aloure os bifinhos;
  4. Adicione a manteiga, a mostarda, o tabasco, o sal, a pimenta e envolva tudo, deixando cozinhar um pouco;
  5. Refresque com o vinho do Porto, adicione as natas e envolva;
  6. Por fim adicione a maçã e sirva decorado a gosto;
  7. Acompanhe com arroz de manteiga ou batata frita, nunca esquecendo também uma salada de alface ou outra.
Bom apetite!

Nesta receita usei estes excelentes produtos:


quarta-feira, 12 de novembro de 2014

BROINHAS DE ERVA DOCE

São deliciosas, fáceis de fazer e comem-se muito depressa! Não lhes resisti assim que vi a receita na TeleCulinária nº 1855. Segui a receita mas coloquei mais um ingrediente, passas de uva sem grainhas e também adaptei a preparação à Bimby. 


INGREDIENTES

  • 500 g de farinha de trigo sem fermento, usei Espiga
  • 250 g de açúcar amarelo
  • 125 g de azeite
  • 100 g de passas de uva sem grainhas
  • 3 ovos + 1 gema
  • 2 colheres de sopa de leite
  • 1 colher de chá de erva doce, usei Suldouro
  • q colher de chá de canela, usei Suldouro
  • 1 colher de chá de bicarbonato
  • 1 pitada de flor de sal, usei Marnoto
  • Farinha para polvilhar

PREPARAÇÃO - Bimby
  1. Coloque no copo o azeite, os ovos e programe 37º / 1 Min/ Vel. 3;
  2. Junte o açúcar, a canela, a erva-doce, o sal e programe 1 Min/ Vel. 3;
  3. Adicione a farinha, o bicarbonato e programe 3 Min/ Vel. Espiga;
  4. Por fim adicione as passas de uva, programe 1 Min/ Vel. Espiga;
  5. Molde bolinhas e coloque-as num tabuleiro polvilhado com farinha;
  6. Bata a gema com o leite e pincele por cima;
  7. Leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 20 minutos;
  8. Retire do forno, descole com uma espátula, deixe arrefecer e sirva.

Preparação - Tradicional
  1. Deite a farinha numa tigela, junte o açúcar amarelo, a pitada de sal, a canela, a erva-doce, o bicarbonato e misture bem;
  2. Amorne o azeite, deite noutra tigela, adicione os ovos e bata. Junte depois à tigela com a mistura da farinha e amasse bem;
  3. Adicione as passas de uva e envolva-as bem;
  4. Molde bolinhas e coloque-as num tabuleiro polvilhado com farinha;
  5. Bata a gema com o leite e pincele por cima;
  6. Leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 20 minutos;
  7. Retire do forno, descole com uma espátula, deixe arrefecer e sirva.
Nesta receita usei estes excelentes produtos:


segunda-feira, 10 de novembro de 2014

BOLINHOS DE LARANJA E CHOCOLATE



A gama Vahiné tem uma grande diversidade de produtos, que nos proporcionam grandes momentos em família. A escolha de hoje foram as Pepitas de Chocolate Negro, huummm tão deliciosas.

INGREDIENTES


    PREPARAÇÃO
    1. Numa taça bata a manteiga com o açúcar até obter um creme esbranquiçado;
    2. Adicione os ovos um a um, batendo bem entre cada adição;
    3. Junte o leite e envolva;
    4. Adicione a farinha, a raspa de laranja e o fermento;
    5. Por fim envolva as pepitas de chocolate;
    6. Coloque a massa em formas de silicone ou em formas de palpe e leve ao forno pré-aquecido a 180 º C durante 30 minutos;
    7. Depois de frios polvilhe com açúcar em pó.


    sábado, 8 de novembro de 2014

    BOLO DE AVELÃ


    Gostei muito do resultado deste bolo, ficou baixo e húmido. Esta receita tem como base a receita de No Soup For You, que apresenta um bolo mais fofo. Nesta opção, reduzi o açúcar, o leite, a farinha e o azeite.

    INGREDIENTES

    • 130 gr de avelãs
    • 2 ovos
    • 180 gr de açúcar
    • 180 gr de leite
    • 80 gr de azeite
    • 230 gr de farinha de trigo Espiga s/ fermento
    • 1 colher de chá de fermento Vahiné
    • 1 colher de sopa de canela, usei Margão

    PREPARAÇÃO - Bimby
    1. Coloque 50 gr de avelã no copo, programe 10 Seg/ Vel. 9, retire e reserve;
    2. Coloque as restantes avelãs no copo e dê 2 toques de turbo, retire e reserve;
    3. Coloque a borboleta no copo, adicione os ovos, o açúcar e programe 2 Min/ Vel. 3 1/2/ 37º C;
    4. Adicione o leite, o azeite e programe 40 Seg/ Vel 3;
    5. Junte a farinha, a canela, o fermento, as 50 gr de avelã e programe 8 Seg./ Vel. 3;
    6. Adicione as restantes avelãs trituradas e envolva com a espátula;
    7. Coloque numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha, leve ao forno a 180º C durante 35 minutos;
    8. Depois de frio pode decorar com açúcar em pó;
    Fonte: No Soup for You

    domingo, 26 de outubro de 2014

    COSTELETAS DE BORREGO GRELHADAS


    A carne de borrego tem um gosto característico, para alguns um pouco forte, aqui em casa é muito apreciada, ora no forno, estufada ou grelhada.
    Numa procura de sugestões pela net, fiquei rendida à receita de Cinco Quartos de Laranja de Isabel Zibaia Rafael e como tinha comprado à pouco tempo um tomilho-limão, foi uma escolha acertada, ficaram deliciosas.  

    INGREDIENTES - 4 pessoas

    • 8 costeletas de borrego
    • 3 dentes de alho, bem picados
    • Sumo de um limão
    • Tomilho-limão q.b.
    • Flor de Sal, usei Marnoto
    • Batatas
    • Alface

    PREPARAÇÃO
    1. Tempere as costeletas com sal, o alho, o sumo de limão e as folhas de tomilho-limão;
    2. Deixe marinar durante cerca de uma hora;
    3. Grelhe-as sobre o carvão, tendo o cuidado de não secar muito a carne, cerca de 5 minutos de cada lado;
    4. Acompanhe com batatas fritas e salada de alface.
    Bom Apetite!

    quarta-feira, 22 de outubro de 2014

    SARGO ESCALADO, SIMPLES E DELICIOSO



    Por mais simples que seja faz sempre uma refeição deliciosa.

    INGREDIENTES - 2 pessoas

    PREPARAÇÃO
    1. Depois do peixe limpo de vísceras e escamas, escale-o e tempere-o com sal;
    2. Prepare as brasas;
    3. Asse os pimentos, retire-lhes a pele, corte-os em tiras finas, tempere com sal, cebola e óleo;
    4. Grelhe o peixe, sirva com a salada dos pimentos e se desejar pode acompanhar com batata cozida.
    Nesta receita utilizei estes excelentes produtos:


    sábado, 18 de outubro de 2014

    MOUSSE DE BOLACHA


    Uma sobremesa deliciosa, prática e que não requer muito tempo. Uma sugestão da TeleCulinária nº 1849.

    INGREDIENTES - 6 pessoas

    • 200 g de bolacha Maria, ou outra a gosto
    • 4 dl de natas
    • 3 claras
    • 1 lata de leite condensado

    PREPARAÇÃO
    1. Triture as bolachas até ficarem tipo "pão ralado";
    2. Bata as claras em chantily bem firme;
    3. Numa outra tigela bata as claras em castelo e envolva com as natas;
    4. Adicione o leite condensado e as bolachas raladas e envolva suavemente;
    5. Distribua por tacinhas individuais ou numa grande, leve ao frigorífico;
    6. No momento de servir polvilhe com bolacha ralada a gosto.

    terça-feira, 14 de outubro de 2014

    ESPARGUETE À BOLONHESA


    INGREDIENTES

    Para a Bolonhesa

    • 1 cebola
    • 2 dentes de alho
    • 1/2 pimento vermelho
    • 30 g de azeite
    • 1 pacote de Polpa de Tomate, usei Compal
    • 30 g de vinho branco
    • 2 colheres de chá de Sal, usei Marnoto
    • Pimenta q.b., usei Pimenta 5 Bagas - Margão
    • 800 g de carne de vaca picada
    • 1 colher de sopa de Alho e Salsa, usei Margão
    • Queijo parmesão ralado q.b.
    Para o esparguete
    • 200 g de esparguete
    • 1500 g de água
    • 1 colher de chá de Sal, usei Marnoto
    • 10 g de azeite

    PREPARAÇÃO - Bimby
    1. Comece pela preparação da carne colocando no copo a cebola, o alho, o pimento; o azeite e pique 5 Seg/Vel 5;
    2. De seguida programe 5 Min/ Varoma / Vel 1;
    3. Adicione o tomate, o vinho e programe 3 Min/ Varoma / Vel 1;
    4. Junte a carne, o sal, a pimenta, o alho e salsa desidratados, envolva tudo com a ajuda da espátula e programe 15 Min/ 100º C/ Colher inversa/ Vel colher;
    5. Retire a carne do copo e reserve, tapada para não arrefecer;
    6. Sem lavar o copo, coloque a água, o azeite, o sal e aqueça 10 Min/ Varoma/ Vel 1;
    7. Adicione o esparguete pelo bocal da tampa, coza no tempo indicado na embalagem do esparguete/ 100º C/ Colher inversa/ Vel colher;
    8. Escorra, sirva com a bolonhesa, decorado a gosto e com o queijo parmesão numa taça à parte;
    9. Pode acompanhar com salada de alface.
    Nesta receita utilizei estes excelentes produtos:


    sábado, 11 de outubro de 2014

    MASSADA DE PEIXE


    INGREDIENTES - 4 pessoas

    • 500 g de peixe (usei red fish)
    • 400 g de massa de cotovelo
    • 1 covete de marisco
    • 12 camarões
    • 2 dentes de alho
    • 1 cebola grande
    • 6 colheres de sopa de polpa de tomate, usei Guloso
    • 4 colheres de sopa de azeite
    • 1 copo de vinho branco
    • 1 ramo de salsa
    • Flor de sal, usei Marnoto
    • 1 folha de louro, usei Suldouro
    • 1 colher de chá de piri-piri, usei Paladin
    • Coentros para decorar

    PREPARAÇÃO
    1. Pique a cebola e os alhos, coloque-os num tacho com o azeite e refogue;
    2. Regue com o vinho branco e adicione a polpa de tomate;
    3. Deixe ferver cerca de 5 minutos;
    4. Triture este molho com a varinha mágica;
    5. Junte as postas do peixe, a covete do marisco e um pouco de água, só a suficiente para cobrir o peixe;
    6. Adicione a folha de louro, a salsa, tempere com sal e piri-piri;
    7. Quando as postas do peixe estiverem cozidas, retire-as;
    8. Junte a massa, o camarão e deixe cozer em lume brando durante 12 minutos, depois de começar a ferver;
    9. Rectifique os temperos e se necessário adicione água, mas esta deve estar a ferver;
    10. Adicione o peixe, em pedaços e sem espinhas;
    11. Sirva decorado com coentros.
    Nesta receita usei estes excelentes produtos:


    quarta-feira, 8 de outubro de 2014

    MARMELADA TRADICIONAL


    Seguindo a tradição e aproveitando a época dos marmelos, nada melhor que fazer o doce que acompanha muito bem com queijo ou simples.
    Segui a receita da revista TeleCulinária nº 1851 que trás receitas fantásticas.

    INGREDIENTES
    • 1,200 Kg de marmelos
    • 750 g de açúcar

    PREPARAÇÃO
    1. Descasque e lave os marmelos, retire-lhes os caroços e corte-os em pedaços;
    2. Leve a cozer num tacho com água até que fiquem macios;
    3. Escorra-os, deixando apenas cerca de 1 dl do caldo de cozer e triture com a varinha;
    4. Junte o açúcar, mexa, leve novamente ao lume e deixe ferver até obter o ponto;
    5. Retire do lume, deite em taças ou tigelas, deixe arrefecer e depois repousar até solidificar e secar.
    Dica: Deite em tigelas ou outro recipiente e cubra com uma folha de papel vegetal molhada num pouco de aguardente. O papel vegetal deve ficar em contacto com a marmelada para a conservar durante bastante tempo.

    Aproveite as cascas e os caroços dos marmelos para fazer geleia.