28 de janeiro de 2019

BACALHAU NO FORNO COM BACON E PIMENTOS


Ingredientes
  • 4 postas de bacalhau demolhadas, do lombo
  • Azeite q.b., usei Transmontanos
  • 3 cebolas
  • 3 dentes de alho
  • 1 tomate maduro
  • 1 pimento verde
  • 1 pimento vermelho
  • 1 pimento amarelo

23 de janeiro de 2019

TARTE DE NATAS COM MERENGUE


Estaladiça e irresistível. Aproveitei as claras, dos ovos que utilizei, para fazer um merengue, ficou deliciosa 😚 

18 de janeiro de 2019

FEIJOADA DE CHOCOS


Com estes dias de frio nada melhor que uma refeição "caliente" para nos confortar o estômago. Utilizei feijão branco cozido da marca Compal da Horta, que facilita muito o nosso trabalho, de qualidade e garantia de excelentes resultados.

14 de janeiro de 2019

COUVE RECHEADA COM CARNE PICADA


 Ingredientes - 4 pessoas
  • 400 g de carne picada
  • 2 cebolas médias
  • 3 dentes de alho
  • 60 g de azeite, usei Transmontanos
  • 1 colher de chá de sal, usei Marnoto
  • Pimenta branca q.b. usei Margão
  • 150 g de vinho branco
  • 6 colheres de sopa de polpa de tomate, usei Compal da Horta
  • Sal picada
  • 1 folha de louro
  • Folhas de couve lombarda, q.b.
  • Batatas q.b.

Preparação - Tradicional
  • Num tacho coloque 30 g de azeite, uma cebola e dois dentes de alho picados, deixe refogar; 
  • Junte 3 colheres de sopa de polpa de tomate, 50 g de vinho branco, a carne picada, tempere com sal e pimenta, mexa bem, separando a carne, tape e deixe cozinhar cerca de 10 minutos;
  • Escalde as folhas da couve para as tornar mais maleáveis;
  • Recheie as folhas, dobre em forma de envelope e prenda com um palito;
  • Num tacho faça um refogado com a outra cebola, um dente de alho, a folha de louro, um ramo de salsa, a polpa de tomate e o vinho branco restante;
  • Junte os rolinhos da couve recheada, adicione água quente, só até cobrir, deixe cozinhar cerca de 20 minutos, retifique os temperos;
  • Acompanhe com batatas cozidas.

Preparação - Bimby
  • Coloque no copo 30 g de azeite, uma cebola e dois dentes de alho, pique uns segundos na velocidade 4;
  • Programe 2 minutos/ velocidade colher/ Varoma;
  • Junte 3 colheres de polpa de tomate, 50 g de vinho branco, a carne picada, tempere de sal e pimenta, programe 10 minutos/ velocidade 1/ 100 º C;
  • Entretanto escalde as folhas da couve e descasque as batatas e corte-as em quartos;
  • Recheie as folhas com a carne picada, dobre em forma de envelope, prenda com um palito e coloque os rolinhos no tabuleiro da varoma;
  • No copo coloque 800 g de água, introduza o cesto com as batatas, tempere com sal, coloque a Varoma e programe 35 minutos/ Vel. 3/ Varoma;
  • Com o copo limpo faça o molho de tomate, coloque uma cebola um dente de alho, um ramo de salsa, 30 g de azeite, pique alguns segundos e refogue durante 2 minutos/ velocidade colher/ Varoma;
  • Adicione 3 colheres de polpa de tomate, o restante vinho branco, tempere de sal e pimenta, programe 4 minutos/velocidade 1/ 100º C;
  • Sirva as batatas cozidas e a couve recheada, com o molho de tomate.
Produtos que utilizei e recomendo das marcas: Margão, Marnoto, Compal da Horta e Transmontanos


8 de janeiro de 2019

COMPAL DA HORTA - Conservas aptas para usar todo o seu conteúdo


Muitas dúvidas surgem quando usamos conservas nos nossos cozinhados. Podemos ou não colocar todo o conteúdo da conserva? Será necessário passar a conserva (feijão, ervilhas, grão de bico) por água?
Como sempre usei as conserva Compal da Horta, ninguém melhor para me informar sobre o seu uso. Assim, passo a transcrever a informação que recebi, que explica todo o processo utilizado pela Compal.

"Dentro das latas de Vegetais Compal da Horta, após a adição do vegetal junta-se o líquido de cobertura (apenas constituído por água e sal), que é colocado individualmente em cada lata imediatamente antes ser cravada (hermeticamente fechada). A lata é então esterilizada em autoclave, a altas temperaturas, o que permite o cozimento do vegetal. Por isso, quando o consumidor abre uma lata o líquido já não é apenas constituído por água e sal mas também por certos compostos que migraram do vegetal para o líquido de cobertura  (à semelhança do que acontece quando se coze uma leguminosa em casa).
Assim, todo o conteúdo da conserva está apto a ser usado em cozinhados, ou seja, não só não é necessário passar o vegetal por água como também é sugerida a utilização do líquido de cobertura como condimento, sendo a sua utilização uma opção do consumidor.


Neste esquema representa-se de uma forma simplificada este ponto do processo:

"
                                             
                                                      🍃🍃🍃

Todas as dúvidas ficaram de lado, só vos posso dizer: Usem e abusem das conservas Compal da Horta, são sem dúvida as melhores.

5 de janeiro de 2019

4 de janeiro de 2019

FERMENTO DE PADEIRO EM PÓ Activa Vita D



Fiquei a conhecer à pouco tempo este fermento padeiro Activa Vita D que na sua composição contém vitamina D, um nutriente lipossolúvel que se forma no corpo humano por exposição directa ao Sol sem protecção ou se ingere através de fontes alimentares específicas. 
"Especialmente durante os dias de Inverno, a maioria de nós não obtém as quantidades de Vitamina D através do Sol. Mas agora, o pão pode ser uma fonte diária e nutritiva de Vitamina D."


Muitos são os seus benefícios:

"É a vitamina que permite a fixação do cálcio nos ossos e dentes, tendo um papel fundamental na formação de uma massa óssea e muscular saudável na infância.
Na idade adulta, contribui para reduzir a perda dessa massa óssea, natural no envelhecimento, diminuindo o risco de osteoporose.
Permite um melhor funcionamento do sistema imunitário, promovendo uma resposta saudável às inflamações." Informação recolhida em http://www.vitad.pt/



Mais informação sobre a marca em: